A Casa (Vinícius de Moraes)



Era uma casa muito engraçada
Não tinha teto, não tinha nada


Ninguém podia entrar nela, não
Porque na casa não tinha chão



Ninguém podia dormir na rede
Porque na casa não tinha parede


Ninguém podia fazer pipi
Porque penico não tinha ali


Mas era feita com muito esmero
Na rua dos bobos, número zero






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Eu não gosto de você, Papai Noel!... (Aldemar Paiva)

Gritaram-me Negra (Victoria Santa Cruz)

Eu Te Desejo (Flávia Wenceslau)

Harmonia (Marla de Queiroz)

'Eu desejo que você consiga...' (Marla de Queiroz)

Da Calma e do Silêncio (Conceição Evaristo)

Olhos (Ademir João da Silva)

Elogio ao Desejo (Emanuel Galvão)