GRANDE PODER (Mestre Verdelinho)



Grande Poder

o nosso Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
 seio que a terra gira com o seu grande poder
 [grande poder, com o seu grande poder]

A terra deu, a terra da, a terra cria
 Home, a terra cria, a terra deu, a terra há
 A terra voga, a terra dá o que tirar
 A terra acaba com a toda a mal alegria
 A terra acaba com os sete que a terra cria


Nascendo em cima da terra, nessa terra há de viver
 Vivendo na terra, que essa há de comer
 Tudo o que vive nessa terra, pra essa terra é alimento

Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
 A Terra gira com o seu grande poder
 [grande poder, com o seu grande poder]
 o nosso deus corrige o mundo pelo seu dominamento
 seio que a terra gira com o seu grande poder
 [grande poder, com o seu grande poder]

Porque no céu a gente vê uma estrelinha
 Aquela estrela nasce e se põe ás seis horas
 Quando é de manhã aquela estrela vai embora
 Tem uma maior e tem outra mais miudinha
 Tem uma acesa outra mais apagadinha

seis horas da noite é que pega à aparecer
 Quando é de manhãzinha ela torna a se esconder
 Só de noite ela brilha em cima do firmamento

Porque Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
 A Terra gira com o seu grande poder
 [grande poder, com o seu grande poder]
 o nosso deus corrige o mundo pelo seu dominamento
 seio que a terra gira com o seu grande poder
 [grande poder, com o seu grande poder]

O homem planta um rebolinho de maniva
 Aquela maniva com dez dia tá inchada
 Começa a nascer aquela folha orvalhada
 Ali vai se criando aquela obra positiva
 muito esverdeada, muito linda e muito viva
 Embaixo cria uma batata que engorda e faz crescer
 Aquilo da farinha pra todo mundo comer
 E para toda craitura vai servir de alimento

Deus corrige o mundo pelo seu dominamento
 A Terra gira com o seu grande poder
 [grande poder, com o seu grande poder]
 o nosso deus corrige o mundo pelo seu dominamento
 seio que a terra gira com o seu grande poder
 [grande poder, com o seu grande poder]


* Veja mais sobe o autor Mestre Verdelinho aqui:


Comentários

POSTAGENS MAIS VISISITADAS

Gritaram-me Negra (Victoria Santa Cruz)

Eu não gosto de você, Papai Noel!... (Aldemar Paiva)

Eu Te Desejo (Flávia Wenceslau)

Olhos (Ademir João da Silva)

'Eu desejo que você consiga...' (Marla de Queiroz)

Harmonia (Marla de Queiroz)

A FLOR E A FONTE (Vicente de Carvalho)

Elogio ao Desejo (Emanuel Galvão)