Outro Natal (Paulo Miranda Barreto)



outro Natal se passou
igual a outros iguais. . .
’Jesus nasceu, sofreu, ressuscitou
deixou-nos sua Luz . . . não voltou mais’

faz muito tempo . . . e, o que se transformou?
ainda guerreamos . . . pela paz . . .
não nos amamos mais do que Ele amou . . .
seguimos egoístas . . . imorais

alheios às Lições que Ele ensinou. . .
e cheios desse orgulho contumaz
que o Cristo, claramente condenou . . .
(por bem saber o mal que ele nos faz)

em nossos corações . . . o que vingou?
o amor de Deus? o fel de Satanás?
após dois mil Natais . . . nada mudou
(seguimos libertando . . . Barrabás).


Este trabalho está licenciado com uma 
Licença Creative Commons -
Atribuição CompartilhaIgual 4.0 Internacional -.

*Ilustração de Pawel Kuczynski

Comentários

POSTAGENS MAIS VISISITADAS

'Somos queijo gorgonzola' (Maitê Proença)

PESSOAS VÃO EMBORA... (Marla de Queiroz)

Gritaram-me Negra (Victoria Santa Cruz)

TEM GENTE QUE TEM CHEIRO... (Ana Jácomo)

FICO ASSIM SEM VOCÊ (Abdullah / Caca Moraes)